Por que Limonar ?

mudar

A palavra limonar pode parecer estranho à primeira vista, mas não. O simples ato de limonar sugere algumas ambiguidades, mas vamos manter nosso foco.

Limonando você pode mudar um mundo, uma sociedade, uma pessoa. Você não acredita em magia ? – Nem eu. Mas quem disse que para realizarmos façanhas irreais precisamos ter poderes ou uma capacidade a mais de enganar ? – Não e não, nossa mágica está no ato de falar, em um simples gesto com as mãos, uma piscadela inesperada, um sorriso.

limonando-tudo

Apesar de nós funcionarmos a partir de nossos próprios comandos e pensamentos, muitos deles são influenciados pela emoção, do qual poderíamos deixar de realizar algo que até então parecia bem certo. Nada é certo, e você sabe disso. Somos tão frágeis quanto uma taça de vidro, sob qualquer impacto, estaremos a um passo da plena fragilidade, do desespero, insegura. Um bom exemplo disto é a adaptação cinematográfica do livro “Ensaio sobre a Cegueira” de José Saramago, o filme dirigido por Fernando Meirelles, Ensaio sobre a Cegueira, lançado em 2008, onde uma epidemia chamada de “cegueira branca” (daí a intitulação do filme lá fora, “Blindness”), atinge de início um homem no trânsito, e que se espalha pelo país. Para evitar um desastre ainda maior, o governo decide colocar os infectados em quarentena em um lugar completamente deserto e com a falha do serviço oferecido pelo governo, “os infectados” passam a depender de seus próprios extintos e união entre si para sobreviverem.

Há muias outras obras do cinema que conduzem o espectador ao mesmo caminho, mas nunca ao mesmo fim! Porém, mantendo o foco, é imprecedível ressaltar o moral da história, que apesar de todos os contra-dizeres, é uma das maiores verdades deste século: Ainda somos incapazes de nos proteger, sem a união e o homem mais ambicioso do que nunca, a tendência é que continuemos vivendo conflitos constantes, até o beliscão, em que o homem vai acordar, perceber o tempo perdido e consertar o que vem sendo feito há alguns milênios.

ensaiolp1

Chega de teorias. Pensar é humano, enquanto possibilidades como àquelas ainda estiverem em aberto, jamais deixarei de conspirar.

Anúncios

0 Responses to “Por que Limonar ?”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Perfil

RAFAEL NL FREITAS escreve livremente há 7 anos.
É servo do Estado e réu do Liberalismo.
É jornalista e é leitor.
É cidadão deliberativo e blackbloc.

É o autor de “Aspectos Legais da REDESIM e sua Aplicabilidade no Estado do Rio de Janeiro“ e da obra ‘‘Panorama da nova Administração Pública: ADTEN, REDESIM e Plano Maior’’.

janeiro 2009
S T Q Q S S D
    fev »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Hospedagem Gratuita

Web Hosting

My Del.icio.us

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 2 outros seguidores


%d blogueiros gostam disto: